sexta-feira, 29 de julho de 2011

Agustina tem destas coisas... (25)

Tinha conseguido três filhos dum marido meio assexuado e que detestava crianças. Ela disse:
_Fiz a minha obrigação. Agora quero viver sossegada e fazer montes de outras coisas.
_Não sabes fazer nada. Mesmo os teus filhos nasceram à custa de cesarianas. Que aldrabona, menina!
_Não me esforcei, mas o caso não era para isso. Dar à luz já não é uma brutalidade, tenhamos maneiras.





de "Prazer e Glória" (1988)

1 comentário:

GRAÇA MARTINS disse...

Muito bem, mais uma de feminismo??? na Agustina!!!É pela emancipação das mulheres e pelo conceito da Virginia Woolf "Um Quarto Que Seja Seu". Estou sempre a surpreender-me com a nossa Sibila...