segunda-feira, 20 de abril de 2009

também

na Galeria Trindade, Miguel Bombarda



Silêncio (Ou As Variações de Goldberg) de Isabel Quaresma




Le Theatre de Salpêtrière de Cláudia Melo

3 comentários:

sleeping beauty disse...

Será que a jovem loura está a ouvir, através da parede, o nosso amigo Glenn Gould e a sua interpretação única, do Bach?

Supermassive Black-Hole disse...

ou então tem uma vizinha como eu tenho...

sleeping beauty disse...

essa vizinha de que falas só percebe de outra música... As variações de Goldberg são erudição demasiada.